Mãe e profissional 24h : Eduarda Streb

Em junho de 2009, a jornalista Eduarda Streb, 37 anos, trocou Porto Alegre, onde trabalhava há quase 15 anos como repórter e apresentadora da RBSTV, pelo sonho de morar no Rio de Janeiro e entrar para o seleto time de profissionais do SPORTV. Só não imaginava que, logo ao chegar na cidade maravilhosa, realizaria a maior de todas as suas conquistas: a maternidade.

Mesmo longe da maior parte da família e dos amigos que continuaram no sul, Eduarda passou uma gravidez tranqüila, contando com o apoio da irmã, do cunhado e de sua afilhada que moram há 8 anos no Rio de Janeiro. Trabalhou até o final da gestação e manteve o seu característico alto astral.

Luiza, filha de Eduarda e Otávio, carioca, produtor de eventos, nasceu no dia 7 de maio de 2010 e, com apenas 18 dias de vida, veio para Porto Alegre, onde sua mamãe passou os quatro meses da licença-maternidade sendo paparicada pelos parentes. “Como estava há pouco tempo no SPORTV, achei melhor não me ausentar por um período mais longo. Mesmo assim, não participei da cobertura jornalística da Copa na África, para a qual já tinha sido escalada. Mas, afinal, o que é uma Copa em comparação à emoção de ser mãe e estar com o filho? Brinco que a Luiza é a minha jabulani.”

Eduarda admite que os primeiros meses foram os mais complicados. “A Luiza é brava, chorava alto e às vezes eu não sabia o que fazer. Hoje a conheço muito melhor e consigo interpretar suas reações. Já sei reconhecer um chorinho de fome ou sono”, conta a mamãe que ainda amamenta e que pretende promover o desmame de uma maneira lenta para não causar traumas.

Profissional dedicada e completamente apaixonada pelo que faz, Eduarda se esforça para conciliar suas duas paixões: “Para dar conta de tudo, mãe tem que ser meio polvo. E eu, sem a menor dúvida, estou passando pelo melhor período da minha vida. Não tem explicação o amor que sinto pela minha filha.”

BATE-BOLA

um filme: A Fantástica Fabrica de Chocolate (uma doçura!)
um livro: O que esperar quando voce está esperando (o melhor para mamães de primeira viagem como eu)
uma música: Fico Assim sem voce, Adriana Calcanhoto
uma flor: gérbera
um prato: o da minha mãe
uma cor: vermelho
um animal: cavalo
um sentimento: amor de mãe (agora eu sei o que é)
um lugar bacana de POA: Parcão
um lugar bacana do Rio: Calçadão de Ipanema, aos domingos
uma loja charmosa: FARM
um perfume: GUCCI rush
um sabor: doce
uma palavra: filha
um objeto: TV
uma parte do corpo: olhos
exatamente o que a mamãe sonha para daqui a 30 anos: ver a Luiza feliz!

Write a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *